Eventos

    Claudio Fonzi atua como comerciante de discos, produtor musical e produtor fonográfico. Abaixo seguem listados os eventos mais importantes por ele produzidos e/ou em produção. 

INFORMAÇÕES E AQUISIÇÃO DE INGRESSOS
Com Claudio Fonzi
Tels: (21) 96881-3277 e (21) 2524-0216



A ESTAÇÃO DA LUZ

DATA: 11 de setembro às 19:30 (portas serão abertas às 18:30)
LOCAL:
Teatro Rival Petrobras - R. Álvaro Alvim, 33, Cinelândia

    Formada em 2005, na cidade paulista de São José do Rio Preto, A ESTAÇÃODA LUZ é constituída por músicos experientes na cena roqueira do estado. Seutrabalho resgata a essência do rock psicodélico, folk e progressivo das décadasde 60 e 70 com uma bela e forte identidade própria. Ao longo de sua trajetória,apresentou-se em diversas casas noturnas, teatros do Sesc e Festivais pelopaís. Já dividiu o palco com bandas clássicas e conceituadas como Som Nosso daCada Dia e Casa das Maquinas, ambas no famoso  festival Psicodália, nos anos de 2008 e 2009.

Lançaram seu primeiro CD oficial em 2012, pelo selo carioca Som InteriorProduções Artísticas, especializado em Rock Progressivo, com ótima recepçãopela crítica e público e já estão em processo de gravação do próximo. 

 

O SOM

Além da criativa fusão de estilos, suavidade das canções e beleza de arranjos vocais e instrumentais que os faz lembrar ícones do Rock nacional como Os Mutantes e Secos e Molhados, o que mais caracteriza o estilo musical da Estação da Luz é a límpida sonoridade vintage de seus instrumentos e timbres.Tal perfeição se explica pelo fato deles mesmos possuírem um estúdio profissional de gravação repleto de instrumentos e equipamentos originais dos anos 70. Chama-se Estudio Area13, é do tecladista  Alberto Sabella. e já gravou bandas como Patrulha do Espaço, Tomada, e Massahara, entre outras.

Mesclando Psicodelia, MPB e Rock Progressivo em canções de grande beleza melódica, A Estação da Luz possui um repertório autoral de excelente qualidade e com fantástica sonoridade anos 60 e 70. Complementarão o show com empolgantes versões de músicas dos lendários grupos Secos & Molhados e Os Mutantes.

Será um espetáculo imperdível para qualquer fã dos gêneros citados. Para quem não os conhece, abaixo seguem links com vídeo e áudio de algumas músicas que serão apresentadas.


INTEGRANTES

·       Renata Ortunho (Voz e Percussão) - já gravou com varias bandas do cenário,entre eles o novo trabalho solo do músico Pepe Bueno. 

· Cristhiano Carvalho (Guitarra e Voz) - toca também com “OsBeatolados”, famosa banda cover de Beatles no estado de SP.

·        Alberto Sabella (Sintetizadores e Voz)

·        Vagner Siqueira (Baixo e Voz) – Já tocou naPatrulha do Espaço.

JuJunior Muelas (Bateria e Voz) - já participou de discos de bandas como Klatu,Massahara, Tomada e Pepe Bueno.


INGRESSOS:

Setor A e Mezanino:R$ 70,00 (Inteira) e R$ 35,00 (Meia)

Setor B: R$ 60,00 (Inteira na data do show) -R$40,00 (Inteira promocional) e R$ 30,00 (Meia)

INFORMAÇÕES E VENDAS:

- Teatro Rival (2240-4469)
- Claudio Fonzi (96881-3277 e
 renaissance.claudio@gmail.com)


Mais informações sobre a banda em:

- www.aestacaodaluz.com.br

- http://whiplash.net/materias/cds/167006-estacaodaluz.html

- http://luiz-domingues.blogspot.com.br/2013/04/estacao-da-luz-por-luiz-domingues.html


Algumas músicas:

TEMPO ESTRANHO - https://www.youtube.com/watch?v=oxEb4nFsC4k
DESCONFORTO - https://www.youtube.com/watch?v=gXTBgWeVeLg
PAR PERFEITO - https://www.youtube.com/watch?v=6Xad6W2DOiM
FLORES ASTRAIS - https://www.youtube.com/watch?v=SRixD_1HBgA
FALA - https://www.youtube.com/watch?v=maCvKEA4oqg
O PATRÃO NOSSO DE CADA DIA - https://www.youtube.com/watch?v=ZcYNdJkX8rk
ANDO MEIO DESLIGADO - https://www.youtube.com/watch?v=qSm_EuBvG-U

_______________________________________________


                               GENETICS


DATA: 26 de setembro às 19:30 (portas serão abertas às 18:30)

   LOCAL: Teatro Rival Petrobras - R. Álvaro Alvim, 33, Cinelândia


A banda argentina GENETICS se formou em 2011. É especializada em reproduzir fielmente as grandes obras, cenários  e performances criadas e realizadas no período entre 1970 e 1975 pelo lendário grupo inglês GENESIS.

      O Genesis foi um dos mais importantes grupos musicais do século XX. Além de revelar talentos de inquestionável qualidade e fama mundial, tais como o cantor e baterista PHIL COLLINS, o cantor e flautista PETER GABRIEL e o guitarrista e violonista STEVE HACKETT, foi um dos mais influentes dentro do estilo denominado Rock Progressivo.

      Apesar dos mais de 40 anos decorridos de seus lançamentos originais, as obras de Genesis continuam influenciando muitos músicos pelo mundo e suas composições já são consideradas por estudiosos como parte da “Música Clássica do Futuro”.

 

INTEGRANTES:

Daniel Rawsi (bateria, percussão evocais / Ignacio Rodríguez Genta (vocais, percussão e flauta) / Claudio Lafalce (baixo, guitarras e vocais) / Horacio Pozzo (teclados e guitarras) e Diego Chorno (guitarra e vocais).


Algumas das músicas que serão apresentadas:

CINEMA SHOW:https://www.youtube.com/watch?v=Dp2ULu7_iY4

DANCING WITH THE MOONLIT KNIGHT: https://www.youtube.com/watch?v=lFjCXtegNnk

FIRTH OF FIFTH: https://www.youtube.com/watch?v=cxlIiCu3-jI

I KNOW WHAT I LIKE: https://www.youtube.com/watch?v=97s9FLyK8u4

MUSICAL BOX: https://www.youtube.com/watch?v=wRnYfFhJLXU

STAGNATION: https://www.youtube.com/watch?v=UmqCJx1GBF4

SUPPER´S READY:  https://www.youtube.com/watch?v=Vi1cNPzpdDo

THE BATTLE OF EPPING FOREST: https://www.youtube.com/watch?v=082XbYwcbIM

THE FOUNTAIN OF SALMACIS: https://www.youtube.com/watch?v=iXNatqSTZQ0

THE LAMIA: https://www.youtube.com/watch?v=-ntUPumRSaU

WATCHER OF THE SKIES: https://www.youtube.com/watch?v=MSKLDNZ8FwU

Já realizaram diversas apresentações com grande sucesso na Argentina e Chile.Abaixo seguem os 2 links oficiais da banda e mais 2 com resenhas dos shows:

https://www.facebook.com/geneticsband

https://www.facebook.com/events/208595665863265/

http://www.rockaxis.com/vanguardia/entrevista/genetics-%E2%80%93-la-prevalencia-del-rock-clasico--/

http://algomasquerockandroll.blogspot.com.br/2012/10/genetics-la-musica-de-genesis.html

_______________________________________________


BH PROG FESTIVAL

Nos dias 29 de setembro e 01° de outubro, a cidade de Belo Horizonte sediará a 1a edição de um grande festival de Rock Progressivo - o BH PROG FESTIVAL. O evento contará com apresentação da banda argentina GENETICS, a mineira LADYLIKE e as cariocas MÓDULO 1000 e SERGIO HINDS - O Terço Lado B.

 

  

1º DIA

Data e Horário: 29 de setembro de 2014 às 20:00

Banda Principal: Genetics (Argentina)

Banda de abertura: Ladylike (MG)


2º DIA

Data e Horário: 01 de outubro de 2014 às 20:00

Banda Principal: O Terço Lado B (RJ-SP)

Banda de abertura: em definição 


             GENETICS

A banda argentina GENETICS se formou em 2011. É especializada em reproduzir fielmente as grandes obras, cenários  e performances criadas e realizadas no período entre 1970 e 1975 pelo lendário grupo inglês GENESIS.

      O Genesis foi um dos mais importantes grupos musicais do século XX. Além de revelar talentos de inquestionável qualidade e fama mundial, tais como o cantor e baterista PHIL COLLINS, o cantor e flautista PETER GABRIEL e o guitarrista e violonista STEVE HACKETT, foi um dos mais influentes dentro do estilo denominado Rock Progressivo.

      Apesar dos mais de 40 anos decorridos de seus lançamentos originais, as obras de Genesis continuam influenciando muitos músicos pelo mundo e suas composições já são consideradas por estudiosos como parte da “Música Clássica do Futuro".

                    

LADYLIKE

 Liderada pela renomada cantora e compositora mineira Tânia Braz, a Ladylike iniciou atividades em 2009. De lá para cá apresentaram-se em diversos locais de MG, sempre com ótima recepção de público e crítica. Seu estilo é o progressivo sinfônico e executam composições próprias e belíssimos covers da banda inglesa Renaissance.


SERGIO HINDS - O TERÇO LADO B 

O espetáculo "Sergio Hinds toca - O Terço Lado B" foi criado com a intenção de mostrar ao grande público canções não tocadas ao vivo há mais de 30 anos e outras que não fazem parte do set list atual do Terço, como "Lagoa das Lontras", "Adormeceu", "Deus", "Gente do Interior", "Mudança de Tempo", "Blues do Adeus", "No Edifício da Avenida Central", etc, com destaque para a complexa e aclamada obra "Amanhecer Total", composta por 6 movimentos.

Além do seu inestimável valor histórico e musical, elas foram selecionadacom base nos inúmeros pedidos feitos pelos fãs durante os últimos shows etambém através de pesquisa realizada no facebook. Os arranjos reproduzirão fielmente asgravações originais dos discos, lançados entre 1970 e 1978.

Haverá tambémuma homenagem ao músico e cantor Jorge Amiden, um dos fundadores doTerço e que faleceu recentemente. Completarão o set algumas das clássicasmúsicas do Terço tradicional, tais como “Hey Amigo” e “1974”.

A formação consistirá de dois membros da formação atual do Terço e de dois músicos convidados especialmente para o evento. Os membros do Terço são o guitarrista e vocalista Sérgio Hinds e o baterista Fred Barley. Os convidados serão o baixista e vocalista Silvio Ixy e tecladista Ronaldo Rodrigues.

______________________________________



Sergio Hinds toca:"O Terço LadoB"

O espetáculo “Sergio Hinds toca -"O Terço Lado B" foi criado com a intenção de mostrar ao grande público diversas canções não tocadas ao vivo há mais de 30 anos e outras que não fazem parte do set list atual do Terço, como “Lagoa das Lontras”, “Adormeceu”,“Deus”, “Gente do Interior”, “Mudança de Tempo”, “Blues do Adeus” etc, com grande destaque para a complexa e aclamada a obra “Amanhecer Total” composta por 6 movimentos.

Além do seu inestimável valor histórico, a maior parte destas canções foi selecionada com base nos inúmeros pedidos feitos pelos fãs durante os últimos shows e também através de pesquisa realizada no facebook.

O Show “Sergio Hinds toca - "O Terço Lado B" fará também uma homenagem ao músico, cantor e compositor Jorge Amiden, um dos fundadores do Terço e que faleceu recentemente, na data de28/06/2014.

Completarão o set algumas das clássicas músicas do Terço tradicional, tais como “Hey Amigo” e “1974”.

A formação consistirá em 2 membros da formação atual do Terço e 2 músicos convidados especialmente para o evento.

Os membros do Terço são o guitarrista e vocalista Sérgio Hinds e o baterista Fred Barley. Os convidados serão o baixista e vocalista Silvio Izy e o tecladista Ronaldo Rodrigues.

Os arranjos reproduzirão fielmente as gravações originais dos discos, lançados entre 1970 e 1978.

 

Releases individuais - “SÉRGIO HINDS” www.sergiohinds.com (guitarrista e vocalista do grupo O Terço e do 3HD). Considerado na década de 70 como o melhor guitarrista de rock progressivo do Brasil, mas também respeitado no cenário da MPB, Sérgio Hinds, traz para o cenário musical a magia dos anos 70 sob o olhar dos anos 2000. Ganhou festivais, como o de Juiz de Fora e Belo Horizonte. Classificou-se por duas vezes em 3º e 4º lugares no Festival Internacional da Canção. Durante 15 anos fez de 150 a 200 shows por ano em grandes ginásios lotados pelo país a fora. Também conseguiu o recorde de público com “O Terço” (11000 pessoas) no Luna Park em Buenos Aires, além de fazer shows no Miden em Cannes (França) e em outros lugares da Europa. Foi convidado especial do festival de rock progressivo na UCLA em Los Angeles. Tem 19 Cds gravados e 2 DVDs, sendo um com uma sinfônica de 70 músicos, com arranjos de Rogério Duprat e regência de Julio Medaglia e outro recente ao vivo com “O Terço” que foi lançado pela gravadora Som Livre e o novo Blu Ray full HD surround em 3D preste a ser lançado. É também guitarrista e cantor do recém-formado grupo 3HD, já com um CD lançado pela Movie Play e no decorrer de sua trajetória, acompanhou artistas como Ivan Lins, Belchior e Sá e Guarabira.

“Fred Barley” www.fredbarley.com – Além de atual baterista do Terço, é um músico conhecido no cenário musical paulista,atuando há mais de quinze anos na Capital como músico e professor. Com vasta experiência internacional já se apresentou em todo o Brasil (principais capitais e grandes cidades), Europa (Itália, Mônaco, Espanha, Grécia, Croácia,França, Turquia), África (Marrocos, Egito), América do Sul (Ilhas Falkland,Argentina, Uruguai, Chile) e até Antártica. Já trabalhou com grandes nomes da música brasileira e internacional, como Daevid Allen (Gong/Soft Machine)(Austrália), University of Errors (EUA),

Klaus Blasquisz (músicos francês, também do grupo Magma), Grooveline (EUA), Amilton Godoy (Zimbo Trio), Daniela Mercury,Marina Lima, Gabriel Sater, Edgard Scandurra (IRA!), The Central ScrutinizerBand, Fábio Golfetti, Violeta de Outono, Manito (Os Incríveis), Compacta Trio,etc. Citado na revista Modern Drummer Brasil nº17 na reportagem “Histórias daBateria Brasileira”, por Zé Eduardo Nazário, ao lado dos maiores nomes dabateria brasileira como Cuca Teixeira, Alaor Neves, Ricardo Confessori, JoãoBarone, entre outros.

_______________________________________________________


Uli Jon Roth


1 - ULI JON ROTH PLAYS SCORPIONS
    O lendário guitarrista alemão veio pela 1ª vez ao Rio de Janeiro; para tão aguardada ocasião preparou um longo e caprichado repertório.
    Foram apresentadas muitas músicas do seu antológico repertório com os Scorpions dos anos 70 e mais algumas de Jimi Hendrix (do qual é especialista) e instrumentais progressivas da sua carreira solo.

DATA: 25 de março de 2014 às 19h30 
LOCAL: Teatro Rival Petrobras - Rua Álvaro Alvim, 33/37 - Cinelândia



A formação nos shows brasileiros foi:
Uli Jon Roth - Guitar, vocals
Niklas Turmann - guitar, vocals
Jamie Little - drums
Elliott Rubinson - bass
Paul Rahme - keyboards, vocals
  
Para quem quiser conferir, abaixo segue o link ofical da tour:
http://www.ulijonroth.com/sky/current/concerts_tours_1.htm

Abaixo seguem alguns links de músicas que foram apresentadas:
FLY TO THE RAINBOW - http://www.youtube.com/watch?v=KLL0cqarMNI
IN TRANCE - http://www.youtube.com/watch?v=C27yWnuiAig
ALL ALONG THE WATCHTOWER - http://www.youtube.com/watch?v=5F9xbanPxDk

O excelente vocalista atual chama-se Niklas Turmann. Também é guitarrista e, além de membro da banda Crystal Breed, foi integrante da sensacional banda de Hard Progressivo JANE, uma das mais importantes da história do rock alemão!! http://www.crystalbreed.com/Niklas-Turmann/

Abaixo segue vídeo do Jane com ele, em uma histórica noite que se apresentaram com a banda de Uli Jon Roth. http://www.youtube.com/watch?v=7ski5z50Sck
Nesta gravação, Niklas demora um pouco a aparecer, mas começa a se destacar aos 4:47 até dominar completamente o palco entre os 5:55 e 7:07.


____________________________________________________________


QUATERNA RÉQUIEM

    A famosa banda carioca de Rock Progressivo instrumental apresentou um inédito show semi-acústico em sofisticados arranjos, onde além dos normais guitarra, baixo, sintetizadores e bateria, serão utilizados violões, bandolim, violino acústico e piano acústico de cauda
    Além das músicas mas obrigatórias em um show da banda, como "Velha Gravura", "Toccata" e "Frank Lloyd", foram apresentadas peças da suíte "O Arquiteto" jamais executadas ao vivo e também foram resgatadas diversas pérolas esquecidas, tais como a belíssima "Madrugada" e composições do CD "À Mão Livre".

DATA e HORÁRIO: 28 de março de 2014 às 22:00 
LOCAL: Bar do Tom - Rua Adalberto Ferreira, 32 - Leblon
____________________________________________________________


 FOCUS

A mais famosa banda de rock holandesa retornou ao Rio de Janeiro com os mesmos integrantes que vieram  em 2012. Foi o mesmo sucesso e a casa esteve absolutamente lotada com antecipação. O repertório conteve diversas novidades.

DATA e HORÁRIO: 15 de abril de 2014 às 19h30 
LOCAL: Teatro Rival Petrobras - Rua Álvaro Alvim, 33/37 - Cinelândia
____________________________________________________________

RIO PROG FESTIVAL 4: Anders Helmerson e Violeta de Outono

 (DIA 06 DE NOVEMBRO de 2013)



DATA: 06 de Novembro às 19:30 (portas serão abertas às 18:30) LOCAL: Teatro Rival Petrobras - R. Álvaro Alvim, 33 / 37- Cinelândia

PROGRAMAÇÃO:

19:30 - ANDERS HELMERSON (Suécia)

20:45 - VIOLETA DE OUTONO (SP)

ENTRADAS: 70,00 (inteiras antecipadas e meias) e 140,00 (inteiras na data) INFORMAÇÕES E VENDAS:

Teatro Rival Petrobras - 2240-4469 - R. Álvaro Alvim, 33 / 37- Cinelândia

Claudio Fonzi - 2524-0216 e 6881-3277 (cel) -  

Email: renaissance.claudio@gmail.com

Ingresso.com - http://novosite.ingresso.com/rio-de-janeiro/home/show



Anders Helmerson   Anders Helmerson   



Violeta de Outono


___________________________________________________________________________________
 

BANDA UFO 

UFO - 44 anos de História



Uma das mais importantes bandas britânicas da história do Rock se apresentou pela primeira vez no Rio de Janeiro.

Inserida na turnê mundial de lançamento do seu novo CD "Seven Deadly" (2012), a lendária banda UFO, uma das mais duradouras e bem sucedidas do estilo Hard Rock, virá com três membros de sua formação clássica -Phil Mogg (vocais), Paul Raymond (teclados e guitarras) e Andy Parker (bateria). O grupo se completa com o baixista Rob de Luca e, principalmente, com o magistral Vinnie Moore, mundialmente reconhecido como um dos maiores guitarristas da atualidade.

Formado em 1969, o grupo UFO atravessou as décadas incólume aos modismos e sua sonoridade ímpar de energia roqueira mesclada com beleza melódica arrebatou milhares de fãs por todas as gerações.

Reunindo um formidável mix de talento, carisma e experiência, o UFO é hoje um dos mais significativos representantes da dourada geração do Rock dos anos 1970. Apresentam-se nos maiores Festivais do mundo, sempre com grande sucesso.

 DATA: 14 de maio de 2013
HORÁRIO: 20:30h - previsão de abertura da casa às 19h
LOCAL: Teatro Odisseia - Av. Mem de Sá, 66 - Lapa
INGRESSOS: Inteiras antecipadas e meias: R$120,00
Na data as inteiras custarão R$240,00

Links de referência:

- Site oficial da banda UFO: http://www.ufo-music.info/tour.htm

- Site oficial guitarrista VINNIE MOORE: http://www.vinniemoore.com/2010/





- Site Culturall / Radio Cult: http://culturall.com.br/






_________________________________________________________

 

RIO PROG FESTIVAL III

MARTIN TURNER´S 
 WISHBONE ASH


     Com milhões de álbuns vendidos e centenas de concertos pelo mundo, o WISHBONE ASH é um dos grupos com a história mais duradoura e bem-sucedida do Rock.
    Foi criado em Londres em 1969 pelos músicos Martin Turner (Baixo e Vocais) e Steve Upton (bateria). Com a intenção de criar um estilo musical que fosse rico em texturas e melodias, colocaram um anuncio no lendário jornal Melody Maker em busca de 2 guitarristas que se adequassem a estas características. Apareceram então os geniais Ted Turner e Andy Powell que se adaptaram com absoluta perfeição. Adicionando-se o fantástico trabalho de baixo e a suave e bela voz de Martin, forjou-se uma identidade musical única, que produziu algumas das mais emocionantes canções da História do Rock. Além da incrível beleza das melodias, os longos trechos instrumentais o tornaram um dos mais singulares exemplos de fusão de Rock com o Progressivo, sem a utilização dos instrumentos típicos deste, como os teclados os instrumentos eruditos em geral. 
    Adquiriram uma forte identidade que os tornaram sinônimos de “belas melodias em guitarras e voz” e passaram a influenciar inúmeras bandas e artistas. 
    Mais de quatro décadas depois, a música de Wishbone Ash continua a encantar o público em todo o mundo através de suas performances ao vivo e do seu rico legado de obras registradas. Lançamentos de álbuns que se tornaram clássicos como “Argus” (1972), “Wishbone Ash” (1970) “Pilgrimage” (1971), “Four” (1973) e “Live Dates” (1973), definiram o seu estilo e tocaram o coração de várias gerações de fãs de música.
    Como vocalista e principal força criativa, Martin Turner (nascido em 01 de outubro de 1947) era fundamental para a manutenção da qualidade melódica das composições. Com sua saída em 1980, o grupo passou por diversas oscilações e mesmo com seu retorno em 1987, a química nunca mais foi a mesma. Em 1996 a abandonou em definitivo, contrariado com os direcionamentos que haviam sido tomados. Alguns anos se passaram e, em 2004, o clamor popular o fez criar uma banda paralela, com o intuito de mostrar às antigas e novas gerações a beleza ímpar das composições dos seus clássicos álbuns setentistas.
    Dessa forma, surgiu o MARTIN TURNER´S WISHBONE ASH, cujo repertório  mostra na íntegra o seminal álbum “Argus”, de 1972, sua obra-prima e, indubitavelmente, uma das mais belas e perfeitas obras musicais já gravadas no Rock. Completam os shows com várias outras de suas mais lindas canções, tais como “Ballad of the Beacon”, “Sorrel”, “Everybody Needs a Friend”, “The Pilgrim”, “Phoenix” e “Persephone”, tornando-o um espetáculo absolutamente inesquecível.
     A formação atual apresenta, além de Martin Turner, os excelentes guitarristas Ray Hatfield e Danny Wilson e o baterista Dave Wagstaffe. 
    Dave Wagstaffe é o que tem a biografia mais repleta de curiosidades e possuidor de um currículo invejável dentro do Rock Progressivo.
    Nascido em 26 de outubro de 1951, desde cedo se interessou por música e participou de diversas bandas. Em 1972, porém, foi um dos criadores de uma banda chamada “Argus”... Obviamente influenciada pelo maravilhoso e recém-lançado álbum do Wishbone Ash, a Argus obteve relativo sucesso nos seus 4 anos de vida, tocando com vários grupos de nome já consagrado, tais Thin Lizzy, Pink Fairies, Lindisfarne and Brinsley Schwartz. Gravaram 5 ótimas músicas em estúdio, mas infelizmente, não chegaram a lançá-las. Somente em 2001, o selo especializado em raridades Audio Archive as editou, através de um CD intitulado simplesmente de “Argus”. Curiosamente, porém, este CD contém também 7 faixas de uma outra banda de Dave, de puro jazz-rock, chamada Anaconda, por ele criada em 1977.
    Depois de vários anos de carreira itinerante, Dave enveredou, para nunca mais sair, pelos caminhos do Rock Progressivo. Tudo se iniciou em 1985 com a banda “Quasar”. Com ela permaneceu por 5 anos e meio. A seguir, em 1991 foi para a já clássica “Landmarq”, uma das mais proeminentes do atual cenário inglês, da qual foi um dos fundadores e com quem permanece até hoje, nos seus 21 anos de carreira, 7 CDs, 1 DVD e pelo menos 8 participações em importantes coletâneas do estilo.
    No decorrer dessas 2 últimas décadas, Dave se tornou um dos mais requisitados bateristas do Progressivo, tendo tocado em shows e discos de lendas como:

- RICK WAKEMAN (um dos maiores gênios dos teclados no Rock, com mais de 45 anos de carreira)

- STEVE HOWE (um dos mais importantes guitarristas da História do Rock, com extensa carreira solo e clássico membro do YES)

- JOHN WETTON (Ex-baixista e vocalista dos grupos King Crimson, UK, Asia, Uriah Heep  etc, com mais de 40 anos de carreira)

- KEN HENSLEY (um dos fundadores do Uriah Heep, seu principal compositor e excelente tecladista, guitarrista e vocalista com 45 anos de carreira)

- OLIVER WAKEMAN (filho de Rick Wakeman, Oliver é hoje também um dos expoentes mundiais dos teclados)

- PETER BANKS (guitarrista fundador das bandas YES e FLASH)

    E assim segue uma lista quase infindável com outros astros como Patrick Moraz, Mick Box, Tracy Hitchings, John Mizzaroli, Dave Kilminster, Peter Haycock, Brian Willoughby, Jamie West Oram, Dave Bunce, Davy O' List, Clive Nolan, Sue McCreeth, Cyrus Khavagi,  Danny Kirwan, James Litherland, John 'Irish' Earle, Dave Lennox, Colin Cooper, John Young etc.



  Após o grande sucesso de seus inúmeros shows individuais e em festivais, nada mais natural que produzissem CDs e DVDs gravados ao vivo. Lançaram então os CDs “New Live Dates: Volume One“(2006) e “New Live Dates: Volume Two” (2007) e o DVD “The Life Begins Tour” em 2010.  Para completer, produziram em 2008 uma magnífica nova versão para o album “Argus” e a intitularam de “Argus - Through the Looking Glass”. 

    Para finalizar com chave de ouro o álbum de memórias de tão reluzente época, Martin Turner publica, pela primeira vez, suas memórias pessoais no livro autobiográfico ”No Easy Road – My Life and Times with Wishbone Ash”. Nele documenta detalhadamente a trajetória da fase clássica de uma das bandas mais queridas do Reino Unido, bem como sua jornada pessoal dentro da música. A história é contada em detalhes sem precedentes, não deixando “pedra sobre pedra - a verdade, toda a verdade e nada além da verdade”. “No Easy Road” (título de uma das clássicas canções da banda) envolve o leitor com histórias de estrada e de estúdio, mostrando que “nenhuma estrada é fácil”, nem mesmo numa banda de rock de sucesso internacional.     
    Martin Turner descreve o trabalho com sua banda atual como "uma experiência extremamente gratificante, tanto em nível musical quanto  pessoal, com vibrações extremamente positivas”.



 

BACAMARTE & JANE DUBOC

    

  A lendária banda Progressiva carioca, formada em 1974, retorna aos palcos reunindo pela 1ª vez em 29 anos seus principais integrantes: o guitarrista Mario Neto, o flautista Marcus Moura e a cantora Jane Duboc. Completam a equipe, o baixista William Murray (ex-membro dos grupos Progressivos Kaizen e Saulo Battesini, participou também daquela áurea e meteórica fase de Bacamarte (1983) e mais os excepcionais músicos Alex Curi (bateria),Vitor Trope (baixo) e Robério Molinari e Nilo Rafael (teclados).    Excetuando-se Nilo, todos participaram de formações posteriores, criadas para divulgar o CD solo de Mario Neto, “Sete Cidades” (1999).    O grande destaque do excelente repertório a ser apresentado no Rio Prog Festival será a execução, na íntegra, do clássico-mor do Rock Progressivo Brasileiro, o album "Depois do Fim", gravado em 1979, mas lançado apenas em 1983.    Esta é a obra de nosso país que obteve maior reconhecimento internacional no universo Progressivo, sendo aclamada por colecionadores, lojas e revistas especializadas de todo o mundo, particularmente no Japão e Europa.

    O maior exemplo disso está na fantástica colocação atualmente obtida no ranking elaborado pelo site Prog Archives. Este é o mais importante do mundo em Rock Progressivo, e, segundo os dados oficiais publicados em 22/07/2012, entre 7.238 bandas e artistas, 37.104 albuns (LPs, CDs e DVDs) e 660.000 avaliações dadas por 40.769 membros, o album “Depois do Fim” está posicionado na mui honrosa posição de 38º, em iguais condições aos maiores ícones do gênero, tais como Pink Floyd, Yes, Genesis, King Crimson, Emerson, Lake & Palmer e Jethro Tull.

http://www.progarchives.com/top-prog-albums.asp?salbumtypes=1#list

    “Depois do Fim” já foi reeditado em CD por diversas vezes, sendo as mais recentes e graficamente caprichadas, a da famosa gravadora brasileira SOM LIVRE e a da japonesa Belle Antique, ambas em versão com capa de papelão que reproduz fielmente a arte do vinil original. 

                          

    Seguindo a linha Progressiva Sinfônica, o Bacamarte criou uma obra de grande beleza melódica e sofisticados arranjos instrumentais. As 8 composições originais de ‘Depois do Fim” mesclam sonoridades e características formais da Música Erudita com  elementos de Rock e Jazz.  Embora mostre claras influências de grupos Progressivos europeus, possui muitas características próprias e uma que logo chama a atenção é a sonoridade ímpar da guitarra de Mario Neto, seu fundador,  principal compositor e extraordinário guitarrista e violonista.    Mario foi o responsável também por mais uma brilhante obra Progressiva: o CD “Sete Cidades”,  lançado em 1999. Apesar das composições deste trabalho terem sido originalmente criadas para o Bacamarte, não havia expectativas que o grupo retornasse, daí o próprio Mario executou quase todos os instrumentos: guitarra, piano, teclados, baixo, bateria e vocais. Contou apenas com o auxílio do tecladista Robério Molinari e somente nos shows houve a participação de outros músicos.     Em 22 de setembro estas músicas serão apresentadas pela 1ª vez com seus antigos companheiros de Bacamarte, o que se constituirá em mais um marco histórico.    Voltando à “Depois do Fim”, os seus magníficos arranjos foram perfeitamente executados por todos os músicos, com destaque também para as flautas, piano e sintetizadores, além dos baixos elétrico e acústico e toda uma série de percussões. No caso das flautas há de ser citado o magnífico trabalho de Marcus Moura com belos e variados solos e muito criativa inserção de detalhes nos arranjos. 
Além de flautista, Marcus também é tecladista, acordeonista, compositor, biólogo e webdesigner.  Com o fim do Bacamarte, em 1984, iniciou carreira solo, apresentando-se em shows e compondo música para teatro, vídeo, dança, instalações de arte e web. Trabalhou com a coreógrafa Regina Miranda e com os artistas plásticos Christina Oiticica e Mauro Fainguelernt, entre outros. Sua música também aparece num curta metragem do diretor Luiz Carlos Lacerda.        
    Em 1992, a trilha sonora que compôs para a peça "Noturno, Poemas e Canções de William Shakespeare", dirigida por João Gomes e encenada no Museu da República - RJ, foi considerada um dos melhores trabalhos daquela temporada. Naquele mesmo ano compôs a música - e participou - do espetáculo "Emoções Terminais", ballet da Companhia de Dança de Regina Miranda, que inaugurou a Exposição Oficial de Arte da Rio 92, no Museu de Arte Moderna - RJ.
    Atualmente faz parte do excelente grupo de Folk Rock Roque Malasartes  e prepara repertório para um novo trabalho solo.                               

Como cereja fundamental para tão saboroso bolo, a presença da voz mais marcante do Progressivo Sul-americano: a cantora Jane Duboc.
    Jane possui um currículo profissional absolutamente impressionante e invejável. Talvez seja o ser humano brasileiro a ter trabalhado com o maior número de grandes artistas nacionais e internacionais. A lista deles é quase interminável, mas alguns que devem ser citados são os estrangeiros Peter Gabriel, Sarah Vaughan , Gerry Mulligan ,  Jay Anthony Vaquer e a Orquestra Sinfônica de Israel (do maestro Zubin Mehta), sendo esta considerada como uma das cinco melhores orquestras sinfônicas do mundo. Em termos de nossos artistas, citemos Raul Seixas, Milton Nascimento, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Chico Buarque, Hermeto Pascoal, Egberto Gismonti, Sivuca, Wagner Tiso, Victor Biglione,  Toquinho, Edu Lobo, Ivan Lins, Nelson Ayres, Djavan, Toninho Horta, Miucha, Oswaldo Montenegro, Erlon Chaves, Luiz Eça, Paulo Moura, Roberto Sion,  Sérgio Sampaio, Hélio Delmiro, Tunai, Peri Ribeiro, Márcio Montarroyos etc.
    Gravou pelo menos 14 discos solo e participou de dezenas de álbuns de outros artistas, além de coletâneas internacionais, discos infantis e curso de inglês. Apresentou-se em diversos Festivais, interpretou dezenas de jingles televisivos e desde os anos 70 se apresenta no exterior, já tendo produzido até mesmo discos exclusivos.    
    No entanto, apesar desse currículo invejável, pode-se afirmar que seu trabalho com o Bacamarte foi um dos grandes impulsionadores de sua carreira solo, pois esta ainda se encontrava em fase embrionária e suas perfeitas atuações junto a um grupo de Rock Progressivo abriram um iluminado caminho para um novo e grande público que se mantém fiel e apaixonado até hoje. 


                  


__________________________________________________________________________________ 

RIO HARD BLUES FESTIVAL 

    Além do RIO PROG FESTIVAL, Claudio Fonzi agora produz também o RIO HARD BLUES FESTIVAL, também semestralmente. Focando em outros gêneros musicais, igualmente ricos em excelentes bandas suas resepresentantes, este festival também está chegando para ficar. Ocorreu dia 11 de agosto de 2012 na casa noturna da lapa RIO ROCK & BLUES. 
                                  
                     

- DAVI KAUS E OS IRMÃOS METRALHA (DF)
    Excelente trio de Hard Rock e Blues da cidade de Taguatinga (DF) - Formada no final de 2011 pelos músicos Davi Kaus (guitarra e voz), Luís De Vita (baixo e backing vocal) e Tiago Araújo (bateria), com o intuito de tocar covers de bandas que os influenciaram em sua vida musical, tais como Led Zeppelin, Jimi Hendrix, Black Sabbath, The Strokes e The Doors. Todos são músicos experientes: Davi Kaus desenvolve paralelamente um trabalho autoral com as bandas Vitrine e This Fusion e já pertenceu aos grupos Psicotrópico, A Máquina e DF76; Luís De Vita já tocou nos grupos Fibra e Gangorra entre outros; Tiago Araújo é baterista da banda Kika Ribeiro e Jahya e, além de músico freelancer bastante requisitado na região, já foi baterista da River Phoenix. Com toda essa experiência e com a paixão que sentem pelas músicas que executam, transformam cada acorde em garantia de arrepios para os fãs da eletricidade do Rock.


                  


- BLUES DE LUXE (RJ)
    Fantástica banda carioca de Blues-Hard, grande sucesso nos anos 90, retorna com sua formação original. Fundada em 1996 pelo guitarrista Haroldo Fonseca (ex-integrante da lendária banda Calibre 38), conta também com Luciano Rially no vocal, Ricardo Infante no baixo e Waldir “Russo” na bateria. Lançado em 1998, seu 1º CD, “Free of Everything”, foi muito bem aceito pelo público e pela crítica especializada. Absorvendo o blues de raiz e eletrificando-o ao máximo, adicionam adicionamdoses pulsantes de improviso, tornando o blues pesado e vigoroso sem perder a magia de suas nuances. Suas canções autorais e seus show são seus pontos mais fortes, não somente pela excelente qualidade em si, mas também pela contagiante visceralidade das suas interpretações. Muito poucas bandas nacionais de Hard ou Blues atingiram esse nível. Realizaram inúmeros grandes shows no período, inclusive dividindo palco com alguns dos maiores expoentes do Blues nacionail, tais como Blues Etílicos, Big Allanbik e Baseado em Bues.

                 


- MASSAHARA (SP)
      Quarteto original de SP, celebrarão 10 anos de carreira com um grande show autoral de Hard Progressivo, baseado em seu último CD. Entre muitas dezenas de shows em SP, o grupo marcou presença nos importantes Festivais Psicodália 2009 e 2010 (SC) e no RIO PROG FESTIVAL (RJ) em 2011. Destaque também para o importante evento Rock na Vitrine, organizado pela Prefeitura paulistana e onde se apresentaram com grande sucesso em 10 de setembro de 2011.
    Seu CD recém-lançado tem recebido resenhas extremamente elogiosas e expressivas vendas. Suas composições extremamente elaboradas, mesclam a energia e volume sonoro do Hard Rock com passagens instrumentais típicas do Progressivo e agradam plenamente aos fãs de cada estilo.
    Seus membros são: Fábio Gracia (Guitarras e Vocais), Renato Amorim (Bateria ePercussão), Allan Ribeiro (Baixo) e Ronaldo Rodrigues (Teclados). http://www.myspace.com/massahara

                             


LOCAL: Rio Rock & Blus Club - Rua do Riachuelo, 20 - Lapa - Rio de Janeiro
CONVITES: Antecipados a 30,00 e na data a 50,00
DATA: 11 de agosto de 2012
HORÁRIO: 20:30h (abertura da casa às 20h)
CONTATOS E VENDA ANTECIPADA: Claudio Fonzi 
EMAIL: renaissance.claudio@gmail.com


________________________________________________________________________

2ª EDIÇÃO DO RIO PROG FESTIVAL

    A 2ª edição do RIO PROG FESTIVAL trouxe ao Rio excelentes bandas do rock progressivo nacional e internacional. Realizado nos dias 11, 12 e 14 de março de 2012, a banda holandesa FOCUS, a mineira SUB ROSA, a carioca BANDA TRUCCO, a paulista MAHTRAK e a também mineira BY THE POUND fizeram desses três dias de evento, três dias maravilhosos. Dois dias foram realizados na casa noturna da lapa RIO ROCK & BLUES e o show da BANDA FOCUS foi realizado no TEATRO RIVAL. Os shows lotaram e foram muito bem recebidos pelo público. Abaixo seguem mais informações sobre as bandas.

 
   

DIA 10 de Março

- SUB ROSA (MG)
Brilhante banda autoral com vocais femininos e masculinos e grande trabalho instrumental. Criada em 2006, lançou o excelente CD "The Gigsaw" em 2009. Já tendo obtido a muito expressiva venda de 5 mil CDs, em 2010 venceu o Festival de Música Independente da web rádio WULP (Lágrima Psicodélica), com a música Equinox, concorrendo com mais de 100 bandas.
Seguindo uma linha estilística belamente melódica, influenciada por ícones como Pink Floyd e Genesis, chamam a atenção pela inclusão de artes cênicas juntamente ao espetáculo musical, transformando o evento em uma experiência marcante e inusitada para o público. Entre inúmeros shows no decorrer desses anos, fizeram em 2011 importante turnê nos EUA. Preparam agora seu 2º disco, o álbum duplo “11:11”.  
 
 
- BANDA TRUCCO (RJ)
Melhor banda de covers progressivos que já surgiu no Rio!! Formada em 1998 por músicos com grande experiência na noite e uma extensa bagagem musical, a banda Trucco Classic Rock executa versões excelentes de músicas de bandas como KING CRIMSON, ELP, RENAISSANCE, PINK FLOYD, JETHRO TULL, GENTLE GIANT, URIAH HEEP, CAMEL, RUSH etc
 
 

DIA 11 de Março

- MAHTRAK (SP):
    Formada em São Paulo em 2001, a banda Mahtrak segue uma mescla de jazz-rock e rock progressivo recheado de referências aos anos 70, fortemente influenciados por bandas seminais como Soft Machine, Return to Forever, Mahavishnu Orchestra, Jean Luc Ponty e Camel. Seu CD de estréia, intitulado "Panorama", tem recebido excelentes críticas e reviews pelo mundo e graças à sua ótima repercussão, a banda foi convidada a participar da coletânea "The Haiti Project", juntamente com artistas renomados do Progressivo mundial como Roine Stolt, Neal Morse e The Tangent, ajudando as vitimas das tragédias ocorridas naquele país.
    Além do excelente repertório autoral presente em "Panorama", a banda prepara seu segundo disco do qual executarão músicas inéditas e trarão também surpresas ao palco, tocando músicas de grandes medalhões do estilo. 

 - BY THE POUND (MG)
Maravilhosa banda cover do grupo inglês Genesis na sua fase com Peter Gabriel. Seu repertório engloba várias das mais longas e complexas obras genesianas, tais como "Supper´s Ready", "Cinema Show", "Watcher of the Skies", "The Knife" e "Musical Box".
Alem de fidelidade tímbrica máxima, possuem extremo talento e bom gosto na inclusão de detalhes inéditos por eles criados. Sua produção técnica é igualmente impecável, apresentando rica produção cênica o que torna o espetáculo em algo absolutamente inesquecível.
 
 

Dia 14 de Março

Banda FOCUS (Holanda)
    Um dos maiores expoentes do Rock Progressivo mundial, o grupo holandês virá ao Rio de Janeiro celebrar 2 importantes eventos em sua história: o aniversario de 40 anos de lançamento de seu maior clássico: o album "Moving Waves" e o lançamento de seu mais novo CD, intitulado "Focus X - Crossroads".

 
 ________________________________________________________________________

 

RIO PROG FESTIVAL I

    A primeira edição do RIO PROG FESTIVAL ocorreu nos dias 6 e 7 de outubro de 2011 na casa noturna da lapa RIO ROCK & BLUES CLUB, no qual Claudio Fonzi realizou um sonho já antigo: um festival de rock progressivo que traga boas bandas tanto nacionais quanto internacionais. Nessa estreia do festival, Claudio Fonzi trouxe as bandas ANJO GABRIEL de Pernambuco, a carioca CARAVELA ESCARLATE e a paulista MASSAHARA.

- ANJO GABRIEL (PE) 
     Esta banda de Pernambuco deu o que falar. Com músicas totalmente psicodélicas, predominantemente psicodélicas e de beleza e complexidade surpreendentes, tocou em ambos os dias de festival. A banda, formada em 2005, foi a grande revelação do rock progressivo nacional de 2011, a qual foi possível através da produção de seu primeiro LP (2010), com excelente qualidade de som e arte caprichada na capa. O LP também foi produzido na forma de CD, mas com duas faixas a menos para compensar também o preço reduzido. Ambos, por sinal, já escassos em estoque. A banda, no dia 6, apresentou a sua obra "O Culto Secredo do Anjo Gabriel", a qual se consiste em seu LP.
Já no dia 7 apresentaram inéditas.


- CARAVELA ESCARLATE (RJ)  
    Fundada já há bastante tempo, passou por diversas formações. Com influências de bandas como O Terço e Yes, essa banda de progressivo sinfônico abriu o show do Anjo Gabriel no primeiro dia de festival. Nas palavras do produtor do evento, Claudio Fonzi: "a mais nova e bela revelação do progressivo carioca".


- MASSAHARA (SP) 
    Massahara é uma banda de São Paulo que está crescendo e se tornando sensação do Hard Rock Progressivo nacional. Já participou de eventos como o Festival Psicodália, nas edições de 2009 e 2010, e do Rock Vitrine, na edição de 2011. Com sonoridade totalmente anos 70, seu primeiro álbum foi lançado em 2011 pelo próprio produtor Claudio Fonzi, através de seu selo independente "Som Interior Produções Artísticas". A banda tocou no dia 7 e abalou as estruturas da casa, agradando muito. 


________________________________________________________________________


 

ANNIE HASLAM EM SUA 1ª TURNÊ BRASILEIRA - 1997

Release sendo produzido. Em breve será publicado.